Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2009
Como me parecem diferentes essas nuvens
Neste dia de partida repentina
De alguém com o mesmo sangue que em mim circula
Pra um lugar que só o cansanço imagina

E algo me diz que há muito tempo
Se esperava não ter mais tal sofrimento
E ter de novo pelo menos num momento
Solta as amarras deste corpo apodrecendo.