Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

A mais vil de todas as necessidades - a da confidência, a da confissão. É a necessidade da alma de ser exterior. Confessa, sim; mas confessa o que não sentes. Livra a tua alma, sim, do peso dos teus segredos, dizendo-os; mas ainda bem que os segredos que digas, nunca os tenhas tido. Mente a ti próprio antes de dizeres essa verdade. Exprimir é sempre errar. Sê consciente: exprimir seja, para ti, mentir.

Inócua Iniquidade

Minha opinião é a de que tudo talvez simplesmente se refira ao modo com que aprendemos a olhar para cada situação ou como cada situação (coisa muitas vezes já pronta), ignora qualquer um que se depara com ela. Que nada está verdadeiramente pronto todos estão mais do que carecas de tanto saber, mas partindo dessa ideia, fica claro portanto, que tudo está sempre em constante mudança. Há milênios o ser humano admira o céu e este céu olha de volta pro homem até hoje como se parecesse com o mesmo céu estático e estupefato de antigamente, nem por isso a lua ou o sol, as estrelas ou as suas constelações deixaram de mudar de lugar no espaço tempo durante. Certo é que estes sempre continuaram mantendo suas órbitas constantemente. Só que às vezes sugerindo um movimento pequeno e irreconhecível que esteve relacionado a distancia e o tempo que estas órbitas percorrem e outras vezes sugerindo um movimento pequeno e irreconhecível mas que está relacionado a distancia e o tempo do olhar de quem ai…